Por pbagora.com.br

 O presidente dos EUA, Barack Obama, qualificou nesta segunda-feira o líder sírio Bashar Al-Assad de tirano  e disse que não procura uma nova  Guerra Fria  com a Rússia, durante seu discurso perante a Assembleia Geral da ONU.

Após tanto derramamento de sangue, não podemos voltar ao status quo na Síria, ressaltou Obama, que acrescentou que  não há respostas fáceis  para resolver o conflito nesse país.

O presidente americano lembrou que, no começo do conflito na Síria há mais de quatro anos, o regime de Assad reagiu aos protestos pacíficos com  repressão  e assassinando  os manifestantes.

Terra