Após ser cobrado sobre desmatamento, corrupção e respeito à democracia, Temer agradeceu a hospitalidade norueguesa confundindo país com a Suécia

Nesta sexta-feira (23), o presidente da República, Michel Temer (PMDB), cometeu uma gafe bizarra durante o seu pronunciamento oficial em Oslo, capital da Noruega. Em meio à sua declaração de despedida do país, Temer chamou o rei norueguês Harald V, de "rei da Suécia".

O ato falho de Temer foi acompanhado ainda da expressão "parlamento brasileiro", quando o presidente queria falar sobre o parlamento norueguês. A gafe do peemedebista aconteceu após ele receber críticas no país.

"Mais uma vez, quero agradecer à vossa excelência e a todo o povo norueguês a gentileza e a delicadeza com que nos recebem. Embora voltando hoje [sexta] ao Brasil, desde já, com a reunião que tivemos ontem [quinta] com os empresários e da reunião que tivemos agora com vossa excelência e, mais adiante, com o parlamento brasileiro e, um pouco mais adiante, com sua majestade, o rei da Suécia, eu já tenho a mais firme convicção de que, embora muita rápida nossa visita, ela estreita cada vez mais os laços do Brasil com a Noruega", disse Temer à primeira-ministra norueguesa, Erna Solberg.

 

ig
foto: Divulgação/Palácio do Planalto

Deixe seu Comentário