A Espanha registrou 743 mortes em 24 horas por Covid-19, uma alta após quatro dias de redução do número, o que elevou a cifra global de vítimas fatais no país desde o início da pandemia a 13.798, de acordo com o balanço divulgado pelo ministério da Saúde nesta terça-feira (7).

O número de casos notificados também registrou uma leve alta e alcançou 140,5 mil. O país é o segundo mais afetado no planeta pela Covid-19 em número de mortos.
Ao falar sobre a queda de mortes no domingo, o ministro da Saúde, Salvador Illa, disse em entrevista coletiva que “os dados da semana confirmam que o confinamento está funcionando.

Desde a entrada em vigor do estado de emergência, os quase 47 milhões de espanhóis vivem confinados em suas casas. Estão autorizados apenas a irem trabalhar, na impossibilidade de fazê-lo de forma remota, ou sair para realizar atividades básicas, como comprar comida, ou remédios.

As medidas obrigatórias de confinamento foram prorrogadas, e os espanhóis precisam ficar em casa até o dia 25 de abril.

G1

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Trump anuncia rompimento dos Estados Unidos com a OMS

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta sexta-feira (29) que está encerrando o relacionamento dos EUA com a Organização Mundial da Saúde (OMS), alegando que a agência se…