A Paraíba o tempo todo  |

Atualizações no Navegador do Google Impactam Experiência na Utilização de Áudio e Vídeo

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Muitos usuários do navegador Google Chrome estão tendo dificuldades de acessar sistemas online que utilizam recursos multimídia (áudio e vídeo), como aulas e reuniões online, redes sociais e aplicativos de mensagem. Saiba o que aconteceu e como corrigir.

Há cerca de 15 dias, o Google lançou uma atualização no seu navegador que restringia a quantidade de áudios e vídeos carregados pelo Google Chrome. De maneira geral, cada vídeo ou áudio carregado na tela do usuário é considerado um objeto de mídia. Por exemplo, em uma reunião online, com 35 pessoas usando vídeo e áudio, são carregados pelo menos 70 objetos de mídia (35 áudios e 35 vídeos). Com a atualização, o Google Chrome, que antes permitia o carregamento de 1.000 (mil) objetos de mídia, passou a permitir o carregamento de apenas 40 objetos, na sua versão para celulares e tablets, e 75 objetos de mídia na versão para notebooks e computadores tradicionais.

Usuários que fizeram essa utilização no seu Google Chrome, tiveram dificuldades de acessar redes sociais como Facebook e Instagram, participar de reuniões e assistir aulas pelo navegador. Grandes empresas que provêm soluções tecnológicas que conectam pessoas, como Cisco, Microsoft, Vsoft, Zoom, foram impactadas.

A repercussão foi bastante negativa e muitos usuários passaram a usar outros navegadores. Diante disso, o Google voltou atrás e ampliou o número de objetos que podem ser carregados no seu navegador.

Para continuar usando o navegador Google Chrome e não ter sua experiência impactada, atualize o aplicativo do Chrome para celular nas lojas Google Store (Celulares Android) e Apple Store (Iphone).

Também é preciso atualizar a versão para desktop (notebooks e computadores tradicionais). Para isso, basta acessar no menu o item “Configurações”, clicar no item “Sobre o Google Chrome” e depois em atualizar Google Chrome.

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe