A Paraíba o tempo todo  |

Ahmadinejad vai vender carro que vale R$ 3 mil por R$ 1,6 milhões

Um comprador anônimo ofereceu R$ 1,66 milhão (US$ 1 milhão) pelo velho Peugeot 504 do iraniano Mahmoud Ahmadinejad. O próprio presidente doou o carro em novembro para arrecadar fundos, anunciou neste sábado (1º) o diretor da Organização Nacional de Beneficência, Ahmad Esfandiari.

O responsável não divulgou detalhes sobre o suposto interessado e limitou-se a contar que a oferta partiu de "um dos países árabes".

A agência estatal de notícias local Irna revelou que foi lançado o site ahmadinejad-car.com, destinado a receber durante um mês ofertas pelo automóvel, um velho modelo de 1977 muito popular na região. O R7, no entanto, não conseguiu acessar o endereço na tarde deste domingo (2).

O objetivo, segundo as autoridades iranianas, é arrecadar fundos para a construção de 60 mil casas de proteção oficial destinadas a incapacitados e mulheres que sustentam economicamente suas famílias.

Ahmadinejad deve fazer bom negócio

Sem dúvida o presidente iraniano fará bom negócio se vender o Peugeot 504 ao interessado. Em seu país, o carro não vale mais do que R$ 3.323 (US$ 2.000), segundo informou o site canadense CBC News.

Ahmadinejad usava o veículo raramente nos últimos anos, provavelmente por questões de segurança.

Habitação sempre foi um problema relevante no Irã, país em que 25% da população vivem em apartamentos alugados, e cerca de um terço de sua renda é gasta com moradia.

Estatísticas oficiais dizem que o governo construiu mais de 140 mil residências em 2010, e irá atingir 1 milhão de unidades até março deste ano.

Para analistas, presidente quer melhorar imagem

Analistas internacionais garantiram, no entanto, que a verdadeira meta deste leilão é relançar a imagem de Ahmadinejad, um político com uma marcada linha populista.

A percepção popular do seu governo foi afetada de forma negativa durante as últimas semanas após iniciar seu polêmico plano para a retirada de subsídios à gasolina e outros produtos de primeira necessidade.

O automóvel, de cor branca, faz parte da lista de bens que Ahmadinejad declarou ao ser eleito presidente em 2005, junto a um velho apartamento de 175 m2 em um dos bairros mais populares ao leste de Teerã, além de duas modestas contas bancárias.

O líder foi reeleito presidente em junho de 2009 por grande maioria em uma eleição polêmica, cujo resultado a oposição classificou de fraudulento.

 

R7

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe