Nem Edmílson, tampouco Alecsandro. A tarde não era dos artilheiros. Não houve superioridade da melhor defesa e muito menos do ataque mais positivo da competição. E, ao dominar um tempo cada um, Vasco e Flamengo fizeram um confronto equilibrado, neste domingo, no Maracanã, na primeira final do Carioca. Resultado: 1 a 1.

Sem se enfrentar em final do estadual há dez anos, as equipes levaram o maior público do campeonato no estádio: 26.242 (20.844 pagantes, com renda de R$ 1.324.300,00). Superou a segunda semifinal entre Fluminense e Vasco, com 15.925 pagantes. Melhor ao Flamengo que manteve a vantagem de atuar por dois empates.

Como foi campeão da Taça Guanabara, o Rubro-Negro atuará pelo empate no próximo domingo para voltar a ser campeão depois de 2011. O Vasco precisa ganhar para encerrar o jejum de 2003. Terá a semana livre enquanto o Flamengo encara, quarta-feira, às 19h45m (de Brasília), no Maracanã, o León pela Libertadores.

 

 

globoesporte.com

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Audiência entre Hulk e ex-esposa, Iran Ângelo, será em março

De acordo com a colunista Fábia Oliveira, do Jornal O Dia, a audiência judicial entre o jogador Hulk Paraíba e Iran Ângelo está marcada para o fim de março. Na…

É campeão! Flamengo domina o Athletico-PR e conquista a Supercopa

Jorge Jesus abriu 2020 destacando o “outro patamar” do Flamengo, que virou mantra da torcida. Em campo, o resultado. Neste domingo, em Brasília, o Rubro-Negro dominou o Athletico-PR numa manhã…