No primeiro jogo da final que decidiu o título do Paraibano de 2019, o Botafogo venceu o Campinense pelo placar de 1 a 0, no Amigão. Isso deu ao Belo a vantagem do empate no jogo de volta no Almeidão neste sábado (20).

Embora o técnico Evaristo Piza, descartasse a tese de 'já ganhou', foi difícil conter a euforia dos torcedores do Belo diante da Raposa. Para conquistar o título, o time de Campina precisava vencer a partida por dois gols ou mais de diferença.

Mas o alvo e negro pessoense, não se acomodou e mesmo com muita chuva no Almeidão marcou o primeiro gol da partida logo aos 3 minutos de jogo com Clayton, o artilheiro isolado do Campeonato Paraibano. O segundo gol do Belo saiu aos 50' do 2º tempo.

Para um time que precisava da vitória, o ataque do Campinense praticamente nem entrou em campo.

O Botafogo venceu o jogo por 2 a 0 e conquistou o tricampeonato paraibano consecutivo, feito que não acontecia desde a década de 1980, quando o Treze venceu os campeonatos de 1981, 1982 e 1983.

""

O JOGO

O Botafogo, mesmo com a vantagem do empate, não esperou que o time de Campina Grande viesse pra cima e tratou de ir logo ao ataque. Aos 3 minutos de jogo, o craque do Belo, Marcos Aurélio, iniciou a jogada ainda no campo de defesa. A bola chegou a Nando, que lançou na medida para Clayton. O artilheiro invadiu a área e chutou na saída de Wagner Coradin. 1 a 0 para o Belo.

O Campinense tentou entrar na partida, mas foi completamente dominado no primeiro tempo. Aos 15 minutos a Raposa voltou a levar susto, após uma falta na entrada da área ter sido marcada. Mais uma oportunidade para o cobrador de faltas oficial do Belo, Marcos Aurélio, que dessa vez não acertou o alvo. A bola foi afastada pela defesa da Raposa.

A chuva deu muito trabalho aos atletas e resultou em um alto número de faltas no início da partida. Marcos Aurélio voltou a arriscar em outra cobrança de falta aos 19', mas a defesa do Campinense mais uma vez isolou. Na sequência da jogada, o atacante inspirado do Belo cruzou na área e acertou a cabeça de Lula, que mandou pro gol, mas o goleiro raposeiro defendeu.

A equipe do Campinense demonstrou nervosismo logo no início da partida e aos 25' já tinha três jogadores pendurados com o cartão amarelo: James, Richardson e o volante Vitor Maranhão. 

Enquanto isso, o Belo, aos 26', voltou a atacar o gol de Wagner Coradin. Clayton chutou colocado com o pé direito e o goleiro do Campinense se esticou todo pra defender.

O domínio do Belo foi tanto que aos 30' de jogo, o time de Campina não havia levado nenhum perigo ao gol de Saulo.

Aos 45', Marcos Aurélio, em mais uma cobrança de falta, mandou a bola para a área, Jean tirou, mas Nando aproveitou a sobra e chutou com o pé esquerdo. A bola passou perto do gol pra desespero da torcida campinense.

No segundo tempo, enquanto o Botafogo preferiu administrar a vantagem no confronto, parecia que o Campinense tentaria uma reação. Logo no primeiro minuto, Denis invadiu a grande área, mas Saulo saiu do gol e fez a defesa. Foi a primeira que o goleiro do Belo 'trabalhou' na partida.

Embora estivesse mais ativa no jogo no 2º tempo, a Raposa não conseguia finalizar bem e não levava perigo ao ataque. Já o Botafogo, que manteve a cautela, chegava com agilidade e boas tentativas com o trio Nando, Marcos Aurélio e Clayton.

Só aos 26' da segunda etapa é que o Campinense realmente chegou perto de marcar. Jean chutou sem pretensão em direção ao gol do Botafogo e pegou Saulo desprevenido. O goleiro do Belo conseguiu reagir a tempo e tirou com a ponta dos dedos.

A Raposa insistiu nas faltas também no 2º tempo, e chegou aos 40' com 6 jogadores 'amarelados'.

O árbitro levou a partida até os 51' do segundo tempo. E aos 50', quando o Belo parecia acomodado com o placar e com o título, Paulo Renê, que entrou no lugar de Clayton, invadiu a área e ampliou para o Botafogo-PB. 2 a 0.

O Belo vence o segundo jogo da final do Campeonato Paraibano de 2019 e é tricampeão consecutivo.

 

PB Agora


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Divulgada tabela do NBB; Basquete Unifacisa estreia em casa contra o Rio Claro

A Liga Nacional de Basquete (LNB) divulgou, a tabela oficial do primeiro turno do Novo Basquete Brasil (NBB) 2019/20. O Basquete Unifacisa vai estrear contra um velho conhecido, o Rio…