A classificação para a segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro não afastou a possibilidade de que novas peças possam ser contratadas pelo Campinense para a sequência da disputa nacional. O comandante raposeiro, Aílton Silva, afirmou que vai sentar com a diretoria para discutir a possibilidade da contratação de reforços, mas assegurou que qualuqer passo só será dado de acordo com a realidade financeira do clube.

– É uma situação que eu preciso sentar com a diretoria para discutir. O presidente William Simões tem trabalhado sempre com muita responsabilidade, sem deixar que salário de ninguém fique atrasado, e eu acho que ele não vai fazer nada fora da realidade para prejudicar isso. Se for possível, a gente gostaria de mais uma ou outra peça, mas se não der, eu acredito muito no potencial que esse grupo tem e no que eles ainda podem render – comentou o técnico raposeiro.

Após a dramática classificação no domingo, o Campinense se reapresentou nesta terça-feira pensando já no primeiro jogo decisivo, contra a Juazeirense, marcado para o próximo domingo, no Estádio Amigão. O trabalho de hoje aconteceu em dois períodos: pela manhã no gramado do Estádio Renatão e à tarde na academia. Esse mesmo esquema deve ser repetido na quarta-feira, também com dois períodos de treinos.

A Raposa volta a campo pela Série D do Campeonato Brasileiro no próximo domingo, no Estádio Amigão, contra a Juazeirense, no primeiro confronto válido pela fase de mata-mata da quarta divisão nacional. O jogo decisivo, que vai apontar quem avança para a sequência da competição, está marcado para sábado, dia 8 de julho, no interior da Bahia.

Redação com globoesportes.com

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Eu não acredito na volta do futebol tão cedo”, diz presidente do Sousa

O futebol brasileiro foi interrompido no mês de março por causa da pandemia do novo coronavírus. Nas últimas semanas, muito tem se falado de como (ou se vai ter como)…