A Paraíba o tempo todo  |

O drama e a alegria de Alexandre Pato

 Alexandre Pato passa por um ‘inferno astral’ em sua vida. O momento turbulento é marcado pela má fase no Corinthians e o fim do namoro de dois anos e meio com Barbara Berlusconi. Mas nada que uma boa atuação com gols não ajude a melhorar o cenário.

O atacante foi o grande destaque da vitória do Corinthians sobre o Bahia e mostrou habilidade e oportunismo ao marcar os dois gols da vitória na Fonte Nova, domingo, pelo Campeonato Brasileiro. O bom desempenho alivia a pressão sobre o atacante e ajuda a abafar a grande exposição de sua vida pessoal.

Pato foi contratado a peso de ouro no Timão por R$ 40 milhões e, desde a sua chegada em janeiro, ainda não rendeu o esperado. Até a partida deste domingo, ele havia jogado em 27 oportunidades – menos de 75% dos jogos da equipe no ano –, e marcado apenas sete gols.

O número baixo fez com que ele perdesse a posição para Paolo Guerrero e Emerson Sheik. Na final da Recopa Sul-Americana contra o São Paulo, na última quarta-feira, ele nem entrou em campo e passou todo o jogo no banco de reservas.

Neste domingo, Tite afirmou que ainda espera mais do atacante, mas elogiou o pupilo. “Eu estou contente sim, mas alívio não. Eu sei do que ele é capaz. O desempenho é concentrar no dia a dia, e ele está melhorando na competitividade. Ainda precisa melhorar bastante, mas está melhorando e hoje estava numa posição diferente, com uma linha de três e ele pelo lado esquerdo. Hoje ele teve efetividade”, disse.

Uol

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe