Por pbagora.com.br

O técnico Leonardo afirmou nesta terça-feira que não pedirá demissão do cargo no Milan, apesar dos boatos de que Luciano Spaletti, ex-Roma, está sendo pretendido pelo clube para a próxima temporada. O empate do time com o Atalanta no último fim de semana deixa o time ainda em situação difícil na tabela do Campeonato Italiano. O Milan conquistou apenas nove pontos nas sete primeiras rodadas da competição e está na 12º posição.

 

Entretanto, Leonardo segue firme e convicto de que trabalho dará frutos positivos.

– Eu sou o técnico do Milan e sei das minhas responsabilidades e deveres. Não estou preocupado com todos os julgamentos, isso é normal. Minha intenção é me preocupar com o que acontece aqui, e não tenho qualquer intenção de pedir demissão – afirmou o treinador, em entrevista ao site oficial do clube.

Leonardo deu um voto de confiança a Ronaldinho depois do seu golaço no empate contra o Atalanta, domingo passado.

– Um jogador deve sempre ter o desejo de jogar os 90 minutos, e isso é importante. Ele fez a diferença quando jogou para o Milan. Esperamos muito dele, assim como de todos os outros – explicou.

Globo.com