Na última terça-feira (16), o Ministério Público da Paraíba (MPPB), através do procurador de Justiça Valberto Lira, emitiu uma recomendação para a suspensão da rodada dos dias 17 e 21 do Campeonato Paraibano de Futebol nas categorias Sub-17 e Sub19. A Federação Paraibana de Futebol (FPF) acatou a medida e os 12 jogos programados para a segunda rodada foram suspensos.

Será nesta quinta-feira (18) às 14h30, no auditório do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Paraíba (CREA-PB), em João Pessoa, clubes FPF e MPPB, se reúnem para buscar uma solução em conjunto para a retomada da competição. Maiores interessados no caso, as equipes que participam da competição se manifestaram sobre a situação, alegando dificuldades financeiras e pedindo bom senso das partes.

A causa para a realização da recomendação por parte do MPPB foram as denúncias de que, em partidas da primeira rodada das competições, nos dias 13 e 14 deste mês, foram detectada a falta de ambulâncias, médicos, enfermeiros e até de policiamento durante a realização da primeira rodada, o que implicaria no descumprimento do Estatuto do Torcedor. De acordo com a FPF, o que ocorreu foi o atraso na chegada do policiamento e de ambulâncias em alguns jogos, mas a entidade garante que houve a garantia das condições mínimas exigidas por lei para a realização dos confrontos.

 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em jogo de oito gols e duas viradas, Flamengo e Vasco empatam

Anota aí: sete gols a favor, um contra, duas viradas, 11 cartões… Não perca a conta: pênalti, confusão, provocações… Teve tudo isso e mais um pouco no Flamengo x Vasco…

É comemorado hoje o aniversário de 50 anos do polêmico Gol Mil de Pelé na PB

Hoje está fazendo 50 anos que o Rei do Futebol (Pelé) jogou no Estádio José Américo, no Bairro dos Estados na capital paraibana. Foi no dia 14 de Novembro de…