Por pbagora.com.br

Investigação do Ministério Público de Mato Grosso (MP-MT) aponta que a Arena Pantanal – estádio que vai sediar quatro jogos da Copa do Mundo –, em Cuiabá (MT), apresenta danos em parte de uma estrutura de concreto que podem colocar em risco os espectadores.

De acordo com a Promotoria, as avarias foram provocadas após um incêndio, em outubro passado, que atingiu vigas e pilares do subsolo da ala oeste da arena – abaixo da arquibancada – onde serão instalados os vestiários.

A Secopa do Mato Grosso (Secretaria Extraordinária da Copa) negou à Folha que a estrutura atingida pelo fogo foi comprometida.

O promotor Alexandre Guedes, que preside a investigação, diz que um engenheiro civil do órgão elaborou um laudo que concluiu que " o concreto que forma as vigas e pilares do local teria sido afetado".

"Os relatórios que a Secopa nos encaminhou em testes feitos nas vigas e pilares não dão certeza de que as estruturas não apresentam nenhum risco de desabamento. É preciso chegar a essa certeza", afirmou Guedes.

O promotor explicou que os materiais que formam o concreto armado – ferro, cimento, areia e água – reagem de forma distinta quando são submetidos a temperaturas elevadas.

"As paredes estão todas queimadas. É preciso saber o que o fogo comprometeu no interior dessas estruturas", disse Guedes.

O promotor que coordena o grupo do MP que acompanha as obras da copa em Mato Grosso, Clóvis de Almeida, diz que "os problemas encontrados nas estruturas podem ser corrigidos antes do Mundial".

"O que não queremos é que haja um colapso da estrutura no momento da lotação do estádio para os jogos", disse Almeida.

O MP afirmou que a investigação só será concluída quando testes técnicos não apontarem nenhum risco ao torcedor.

O Ministério Público Federal do Estado também abriu um inquérito em paralelo para investigar o caso.

Em nota, a Secopa afirmou que fez reparos seguidos "de testes de carga concentrada e ensaios de resistência". Os procedimentos, segundo a secretaria, concluíram que "não há dano à estrutura".

"Estão confirmados todos os eventos programados incluindo os dois jogos como testes para a Fifa: Mixto (MT) x Santos pela Copa do Brasil e Luverdense (MT) x Vasco, pelo Campeonato Brasileiro da Série B", diz a nota.

A Secopa, no entanto, não comentou as críticas feitas pelo MP aos testes na área afetada pelo fogo.

 

 

Folha