Os Jogos Escolares e Paraescolares da Paraíba 2019 terão início na segunda-feira (27) com a abertura a ser realizada no ginásio principal da Vila Olímpica Parahyba, às 15h. Organizado e realizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), mais uma vez o evento ocorrerá nas 14 regiões do estado.

Pelo calendário oficial, dia 27 começarão as etapas das regiões de João Pessoa, Campina Grande, Sousa e Cajazeiras. Um dia depois, será a vez de Pombal e Catolé do Rocha e de 3 a 15 de junho, Monteiro, Mamanguape, Patos, Itaporanga, Guarabira, Cuité e Princesa Isabel. Cada etapa tem a duração média de 10 dias.

De acordo com o regulamento, as escolas que vencerem as etapas regionais disputam a fase inter-regional, que é classificatória para a estadual, na qual os campeões ganham o direito de ir para etapa Nordeste dos Jogos Escolares da Juventude. "Ao término das etapas regionais, iniciam as inter-regionais, para que em agosto tenha a realização da fase estadual", disse um dos coordenadores, professor Mineiro.

Ao todo, aproximadamente 25 mil atletas, entre 12 e 17 anos, espalhados por toda a Paraíba disputarão nas modalidades de futsal, voleibol, basquete, handebol, ginástica rítmica, tênis de mesa, vôlei de praia, atletismo, natação, badminton, judô, luta olímpica e ciclismo. Já a faixa etária dos atletas é entre 12 e 17 anos.

"É o Governo do Estado realizando mais um grande evento, que tem uma tradição de extrema relevância, pois envolve o esporte junto com a educação. São cerca de 25 mil adolescentes e jovens de 12 a 17 anos, que foram inscritos para esta edição de 2019 oriundos de escolas estaduais, municipais e privadas", destacou o secretário da Sejel, Hervázio Bezerra.

 

PB Agora

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Chapa que disputará eleição no Campinense é homologada com uma mudança

Depois do indeferimento da candidatura de Valdir Cabral para a Diretoria de Futebol do Campinense, por questões burocráticas a chapa encabeçada por Paulo Gervany foi homologada e confirmada na disputa…

Improbidade: ex-presidente da Câmara de Cabedelo entra na mira do MPPB

A Promotoria do Patrimônio Público de Cabedelo ajuizou uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra o ex-presidente da Câmara Municipal, Lucas Santino da Silva, por não ter…