Por pbagora.com.br

Na última vez em que marcou um gol, André Lima teve o auxílio da mão. Nesta quarta-feira faz um mês desde o empate do Botafogo em 3 a 3 com o Corinthians, no dia 23 de agosto, e, desde então o atacante passou em branco. Mas apesar das seis partidas de jejum, ele acredita que vem cumprindo seu papel de forma competente.

– Lógico que o atacante vive de gols, mas não é nada desesperador. Daqui a pouco a bola sobra e eu coloco para dentro. Eu me cobro bastante, mas estou tranquilo, pois tenho ajudado muito a equipe na marcação – observou.

Desde que retornou à equipe, em julho, André Lima disputou 16 partidas e marcou seis gols. Nesta quarta-feira, ele será o único atacante de ofício na partida contra o Emelec, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Reinaldo e Victor Simões foram poupados para que recuperem a forma física.

Suspenso da partida contra o Vitória, no próximo domingo, pelo Campeonato Brasileiro, André Lima deve retornar à equipe no jogo de volta contra o Emelec, na próxima quarta-feira, na cidade de Guaiaquil, no Equador.

 

 

globoesporte.com