Ariano Wanderley solicitou à Presidência do Executivo do Botafogo, sua renúncia, na noite desta quinta-feira (03), de seu cargo de vice-presidente de futebol. O pedido foi feito logo que a juíza da 8ª Vara Cívil, Renata Câmara o nomeou como integrante da Junta Administrativa que irá governar a Federação Paraibana de Futebol pelos próximos 90 dias.

 

O Presidente Nelson Lira acatou a solicitação de renúncia. Ariano preferiu deixar a diretoria do clube para que seu trabalho na FPF seja feito de forma imparcial.

 

Redação com Assessoria

Deixe seu Comentário