Por pbagora.com.br

 O Campinense inicia nesta quarta-feira (08), a sua oitava participação na Copa do Brasil. O bicampeão paraibano enfrenta a Ponte Preta as 18h30 no estádio O Amigão em Campina Grande. Para avançar de fase, a Raposa precisa de uma vitória, independente do placar. Qualquer outro resultado garante a classificação para a Macaca. Quem avançar do duelo entre Campinense e Ponte Preta vai pegar na próxima fase o vencedor do confronto entre Rondoniense e Cuiabá. Ao Rubro-Negro, apenas a vitória interessa, conforme estabelece o novo regulamento da competição.

As vésperas do jogo, o técnico Sérgio China optou por manter os portões fechados no Estádio Amigão, que também recebe o jogo desta quarta-feira contra a equipe paulista.
Para esse confronto válido pela competição nacional, o técnico Sérgio China deve ter força máxima à sua disposição e a expectativa é que os atacantes Léo Ceará e Maranhão, contratados na última semana.

O time deve ser o mesmo que venceu por 1 a 0 sobre o time cearense, na Arena Castelão, em Fortaleza. Nesse duelo, o técnico armou o time no 4-5-1, com apenas Tiago Orobó no ataque. Mas ele chegou a citar o atacante Casagrande, que entrou durante a partida, e ainda outras opções que para o meio de campo, como candidatos fortes a integrar o time contra a Macaca.

Os desfalques da Raposa para encarar a Macaca campineira continuam sendo o atacante Augusto, com lesão muscular, e os meio-campistas Carlos Magno e João Paulo, os quais ainda não estrearam.

Nas sete edições anteriores nas quais jogou, o Campinense teve em 2013 a melhor campanha: superou o Sampaio Corrêa (Maranhão) nos pênaltis, por 7 a 6, sucumbindo já na segunda fase, diante do Flamengo (duas derrotas de 2 a 1).

Em 2015 a Raposa foi eliminado pelo Grêmio e no ano passado, enfrentou o Cruzeiro. No primeiro duelo disputado no Amigão, o jogo terminou empatado em 0 x 0, mas no segundo confronto no Mineirão, a Raposa mineira levou a melhor por 3 x 2. A  única vez em que o Campinense venceu em estreias de Copa do Brasil foi há 12 anos, contra o Fluminense. Contudo a vitória por 1 a 0 não foi suficiente, pois o Tricolor carioca venceu a partida de volta por 3 a 1.

 

Ponte Preta – Embalada pela estreia positiva no Campeonato Paulista, com a vitória de virada por 2 a 1 sobre a Ferroviária, em Campinas, a Macaca vê na Copa do Brasil uma chance de chegar longe, até pelo formato da competição. Em 2016, o time alcançou as oitavas de final, mas acabou eliminado pelo Atlético-MG com dois empates (1 a 1 em Minas e 2 a 2 no Majestoso), ficando fora pelo critério dos gols marcados fora de casa. 

 

Severino Lopes

PB Agora