Por pbagora.com.br

Torcida, jogadores e comissão técnica do Corinthians têm uma preocupação especial para a primeira final do Paulista contra o Santos: o possível terceiro cartão amarelo de Ronaldo, que o tiraria do jogo decisivo no Pacaembu. Mas no que depender da experiência do atacante e dos conselhos, todos podem ficar tranquilos. Ronaldo já "tirou o pé" contra o São Paulo e deve fazer o mesmo na Vila Belmiro, neste domingo.

Na segunda semifinal diante do São Paulo, no último domingo, Ronaldo brilhou com a bola no pé e se policiou sem ela. Como já estava pendurado com dois cartões amarelos, tomou todos os cuidados possíveis. Não se envolveu em confusão e não entrou no esquema de marcação forte pedida por Mano Menezes. Deu certo.

Segundo o Datafolha, o camisa 9 não fez nenhum desarme (completou ou incompleto) contra os tricolores, não cometeu nenhuma falta e comemorou de maneira contida seu gol, fazendo gesto com os braços cruzados e os dedos indicadores levantados.

Assim, evitou repetir os atos que lhe renderam os dois cartões amarelos que possui. O primeiro ocorreu no clássico diante do Palmeiras, no dia 8 de março. Na oportunidade, após anotar o gol de empate nos acréscimos, ele correu em direção à torcida e subiu no alambrado. Ao voltar para o centro do campo, foi advertido.

O segundo amarelo do Fenômeno foi na primeira semifinal contra o São Paulo. Uma falta dura em André Dias lhe rendeu a advertência. Os rivais reclamaram do árbitro Sálvio Spinola, pedindo o cartão vermelho pela entrada ríspida.

No jogo seguinte, atento aos perigos que corria, Ronaldo não se envolveu em lances que poderiam lhe render o terceiro amarelo. Os companheiros esperam que o camisa 9 adote a mesma postura neste domingo, diante dos santistas.

"Espero que não [tirem o Ronaldo da segunda final]. A equipe do Santos vai querer que ele não jogue a segunda partida, mas o Ronaldo está tranquilo e vai nos ajudar muito apenas fazendo gols", comentou Chicão, que também está pendurado. Jorge Henrique e Lulinha completam a lista.

 

UOL

Deixe seu Comentário