Por pbagora.com.br

Com uma equipe titular bem diferente da que venceu dois amistosos contra Alemanha nesta semana, a seleção brasileira masculina de vôlei voltou a superar a dona da casa, desta vez em Darmstadt, por 3 sets a 0, com parciais de 25/20, 25/23 e 25/22.

Nesta terceira partida, o técnico Bernardinho entrou em quadra com Marlon, Leandrão, João Paulo, Léo Mineiro, Sidão, Éder e o líbero Mario Jr. Em relação aos duelos anteriores, apenas João Paulo foi mantido como titular. A formação que começou os outros dois jogos tinha Sidão, Bruninho, Murilo, Rivaldo, Lucão e o líbero Serginho

O próprio João Paulo foi o maior pontuador do jogo, com 20. O oposto Leandrão também se destacou, com 14 pontos.

– Queremos trabalhar com um grupo de até 20 jogadores. Todos que estão aqui têm condições de vestir a camisa da seleção brasileira e esse jogo foi muito importante para observarmos esses novos valores em ação. Pude fazer algumas modificações e ver a evolução dos atletas – explica Bernardinho.

A seleção brasileira ganhou elogios até do técnico da Alemanha, o argentino Raúl Lozano.

– Mesmo entrando em quadra com uma formação diferente das outras partidas, o Brasil manteve o alto nível. A seleção brasileira não conta somente com seis jogadores, mas sim com um grupo. Estamos num nível diferente e, com muito trabalho, podemos evoluir. Esses jogos foram muito importantes para nós, mas eu não fiquei tão feliz por ter perdido todos.

Depois dos três triunfos diante da seleção alemã, o time comandado pelo técnico Bernardinho permanecerá na Europa por mais uma semana, e enfrentará Espanha, França e França A, a partir de sexta-feira (dia 29 de maio), no torneio da França de vôlei.

O primeiro duelo será a Espanha, às 13h. No sábado, a rival será a França, às 12h30m, e, no domingo, o Brasil encara a França B às 11h (horários de Brasília).

globoesporte.com

 

Deixe seu Comentário