Por pbagora.com.br

 Em confronto direto dentro da zona de classificação das Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2018, Colômbia e Chile não passaram de um empate em 0 a 0, em jogo realizado no estádio Metropolitano de Barranquilla.

 

Com o empate, o time colombiano assume momentaneamente a terceira posição, com 18 pontos, ultrapassando o Equador, que joga logo mais contra o Uruguai. O Chile, com 17 pontos, segue na quinta colocação, mas pode ser ultrapassado por Argentina e Paraguai.

 

O jogo também teve uma má notícia para o torcedor palmeirense, já que o zagueiro Mina teve que deixar o campo na segunda etapa reclamando de dores na coxa esquerda.

 

EQUILÍBRIO

 

Os visitantes começaram bem a partida, tanto que a primera chance foi chilena. Aos 16 minutos, Fuenzalida cruzou, Mina tentou afastar, mas a bola sobrou para Vidal que, livre, teve tempo para se arrumar e finalizar, mas a bola saiu rente à trave esquerda de Ospina.

 

Com o passar dos minutos, no entanto, o Chile começou a recuar. Em determinado momento, eram seis jogadores formando a linha defensiva, dificultando a chegada da equipe colombiana, que passou a apostar nas bolas paradas.

 

Aos 34, James Rodriguez cobrou falta alçando a bola na área, Óscar Murillo finalizou de cabeça para a defesa de Bravo, que completava 42 jogos nas Eliminatórias, um recorde na seleção chilena.

 

A melhor chance do primeiro tempo, contudo, ainda estava por vir. Aos 46, mais uma vez James cobrou falta colocando a bola na área, Aguilar desviou no meio e Borja bateu de primeira. Bravo fez grande defesa para garantir o 0 a 0.

 

POUCAS CHANCES

 

A Colômbia voltou melhor que o Chile no segundo tempo. Aos sete minutos, Aguilar lançou Arias, mas Bravo conseguiu chegar antes para ficar com a bola. No lance, porém, o goleiro chileno sentiu dores, recebeu tratamento, mas teve que ser substituído pouco depois, com Johnny Herrera entrando em seu lugar.

As chances de gol eram raras. A Colômbia não conseguia furar o bloqueio chileno e, aos 33, Vargas puxou o contra-ataque e tocou para Fuenzalida, que invadiu a área, chutou cruzado e errou o alvo.

 

No lance, porém, ficou uma preocupação para o torcedor do Palmeiras, pois Mina, retornando em velocidade, colocou a mão na parte anterior da coxa esquerda, sinalizando que havia sentido algo e teve que ser substituído.

 

Nos minutos finais, José Pekerman ainda tentou fazer alterações para deixar a equipe mais ofensiva, mas os gols não sairam.

 

A 12ª rodada das Eliminatórias sul-americanas acontece já nesta terça-feira e as duas seleções jogarão às 21h30 (de Brasília). A Colômbia viaja até San Juan para encarar a Argentina, enquanto o Chile receberá o Uruguai em Santiago.

 

Foto: Luis Acosta/AFP

 

ESPN

Deixe seu Comentário