A Paraíba o tempo todo  |

Campinense vence o Sousa neste sábado pela Série D do Brasileiro

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Na tarde deste sábado, no estádio Amigão, em Campina Grande, o Campinense venceu o Sousa por 1 a 0, pela décima segunda rodada do Grupo A3 da Série D do Campeonato Brasileiro, em um jogo bom no primeiro tempo e fraco no segundo, quando saiu o gol de Matheus Régis que coloca a Raposa no mata-mata da competição, enquanto o Dinossauro fica cada vez mais distante de uma vaga no G4.

O treinador rubro-negro, Ranielle Ribeiro, teve um desfalque de última hora. No aquecimento, o lateral-esquerdo Filipe Ramon sentiu dores musculares e foi substituído por Dênis, enquanto Pedro Manta, técnico sousense, só não contou com Gabriel Alves, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O volante Liniker, artilheiro do time na competição, foi dispensado e já não faz mais parte do elenco.

Logo aos 3 minutos foram os visitantes que assustaram primeiro. Em jogada pela direita, Arthur invadiu a área e chutou cruzado e obrigou Mauro Iguatu a espalmar para a frente, com dificuldade.

O Campinense teve ótima oportunidade aos 19 minutos, quando Marcelinho avançou pela direita e bateu cruzado para o meio. A bola passou por todo mundo e sobrou limpa para Felipinho bater de direita, mas, antes do chute cruzar a linha do gol, Juliano jogou de zagueiro, com o arremate explodindo em sua cabeça e saindo por cima da trave.

Após cobrança de escanteio vinda da esquerda, aos 32 minutos, após bate-rebate pelo alto, a bola sobrou para Keyllo, que deu bela cabeçada e o goleiro raposeiro fez a ponte para agarrar a bola direcionada ao seu ângulo esquerdo.

O Dinossauro do Sertão era mais perigoso e em outro lance de bola parada voltou a assustar. Aos 38 minutos, Weslley cobrou falta da entrada da área, pela esquerda, e mandou a bola muito próxima ao poste esquerdo do time dono da casa.

Finalmente o Campinense criou perigo, e como sempre, com Fábio Lima. O camisa 10 foi lançado em velocidade aos 40 minutos, passou por Weslley na direita e cortou para o meio, de onde bateu de canhota, com muita força, fazendo Ricardo rebater a bola que iria no seu canto esquerdo para a linha de fundo.

Segundo tempo

Se a primeira etapa foi movimentada, após o intervalo o ritmo foi bem mais lento. O Campinense seguia com os problemas de sempre de falta de criatividade, enquanto a velocidade dos contra-ataques do Sousa era menor, até por depender bastante do veterano Almir, de 36 anos, para organizar as jogadas ofensivas.

Antes mesmo dos 20 minutos os dois treinadores realizaram mudanças, mas o panorama pouco mudou. Muita briga no meio-campo e os goleiros apenas assistindo ao jogo de suas metas. Detalhe para o cartão amarelo tomado por retardar a partida aos 15 minutos para Mauro Iguatu, aparentemente satisfeito com o empate, mesmo precisando vencer para garantir antecipadamente a vaga na próxima fase.

Mas aos 22 minutos, a oportunidade mais clara do jogo foi desperdiçada por Matheus Régis, que recebeu cruzamento da direita vindo de Cláudio e, dentro da pequena área, sem marcação, bateu embaixo da bola, que subiu e foi por cima do travessão.

Aos 26, a rede chegou até a balançar. Marcelinho cobrou falta da meia esquerda e Ítallo resvalou para vencer Ricardo e balançar as redes, mas o auxiliar Paulo Ricardo assinalou impedimento corretamente e anulou o gol.

Só que aos 29 o gol valeu. Matheus Régis dividiu com a defesa e, de bico, com muita inteligência chutou da entrada da área no canto direito para vencer o goleiro sousense de deixar a Raposa na frente do marcador.

Ainda antes do apito final, aos 47 minutos, o time sertanejo saiu jogando errado e Marcelinho roubou a bola, passou por Adriano Seixas e tentou encobrir Ricardo, mas a bola foi por cima do gol.

A vitória coloca o Campinense na próxima fase. Com 21 pontos, pode até empatar em número de pontos com Treze ou Atlético-CE, que ainda se enfrentam, caso perca os próximos dois jogos, mas ainda assim seguirá a frente pelo número de vitórias, primeiro critério de desempate. O Sousa, que segue com 13 pontos, está quatro pontos atrás do G4, na sexta posição. Na próxima rodada, a penúltima da primeira fase, a Raposa visita o América-RN, às 15h, enquanto o Dinossauro recebe o ABC-RN, às 16h, ambos no sábado (28).

Voz da Torcida

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe