O campeão pode estar de volta. Com eleições presidenciais marcadas para o dia 15 de setembro, o Campinense está perto de acertar com o treinador conhecido da torcida rubro-negra. Trata-se do cearense Oliveira Canindé, de 54 anos, campeão do Nordeste com a Raposa em 2013.

Em entrevista, o técnico confirmou contato com os dirigentes do Rubro-Negro e revelou que as negociações estão avançando. O futuro presidente do clube Paulo Gervany, teria acertado a chegada de Canindé ao estádio Renatão para próxima quarta-feira (04).
Ele deverá trazer uma lista com possíveis reforços e todo o planejamento do clube para o ano que quem. Em 2020, além do Campeonato Paraibano, a Raposa vai disputar a Copa do Brasil e a Série D do Brasileiro.

O treinador admitiu que está com conversas avançadas para assumir o comando da Raposa na temporada 2020. Ciente da situação financeira do Rubro-Negro, o treinador disse que já discute com a diretoria o planejamento para o próximo ano e que sua prioridade é voltar a Campina Grande.

O treinador e o presidente interino, Paulo Gervany, aguardam a definição da eleição, que está marcada para o dia 15 de setembro.
– Se ele for eleito e der tudo certo, eu poderia assinar um pré-contrato com o clube. De repente, a gente poderia marcar de se encontrar e fechar logo essa questão – disse Canindé.

No Campinense de Oliveira Canindé chamou atenção nacionalmente não só pelo título surpreendente da Copa do Nordeste de 2013, mas também pela forma vistosa do time jogar, com transições rápidas e muitas variações táticas durante o mesmo jogo sem precisar substituir jogadores.
No currículo do treinador ainda constam passagens por Sampaio Corrêa-MA, América-RN, Flamengo-PI, Icasa-CE, Moto Club-MA, Treze entre outros clubes.

Aos 51 anos, ele também teve destaque no Guarany de Sobral-CE, onde foi campeão da quarta divisão. O último clube do treinador foi o Remo-PA, onde ficou pouco menos de um mês durante a Série C do Brasileiro. Antes disso, passou duas temporadas no CSA-AL, e foi demitido após o vice-campeonato alagoano em 2017, mas conseguiu levar o time da quarta para a terceira divisão nacional em 2016.

Desempregado após o fim da disputa da 2ª divisão do Campeonato Cearense, onde comandou o Crato, Canindé está em Fortaleza, no Ceará, onde vive com sua família. O treinador disse que recebeu contato de outros dois clubes, mas que a possibilidade maior é de voltar ao Campinense.

SL
PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Palmeiras vence Fortaleza e chega à 4ª vitória seguida com Mano Menezes

O Palmeiras segue firme na briga pela liderança do Campeonato Brasileiro. Neste domingo, o time comandado por Mano Menezes visitou o Fortaleza, na Arena Castelão, e voltou para casa com…