Por pbagora.com.br

 Com gols de Douglas e Luan, o Grêmio venceu o Campinense fora de casa, mas não conseguiu eliminar o jogo de volta. Time paraibano terá que vencer por dois gols de diferença na Arena para avançar para a próxima fase.

O jogo

Embalado pela série de 9 jogos sem perder, com sete vitórias consecutivas (todos pelo Campeonato Gaúcho), o Grêmio enfrentou o Campinense recém eliminado da Copa do Nordeste, em Campina Grande. E em um fraco primeiro tempo, os dois times pareciam que estavam em clima de feriadão.

Verdade que nos 10 minutos finais da primeira etapa, o Campinense impôs uma pressão em cima do Tricolor gaúcho, que por sua vez, não aproveitava o espaço e a falta de qualidade do time da casa. Mas o zero a zero no placar foi o resultado mais justo.

Felipão, suspenso, acompanhava o jogo da cabine e não ficou nada satisfeito com o que viu. Mexeu no time no intervalo colocando o jovem Yuri Mamute. A alteração surtiu efeito logo nos primeiros minutos do segundo tempo. Aos 5 minutos o jovem atacante tricolor fez fila na defesa do Campinense e só rolou para Douglas tocar para o gol.

Enquanto Yuri Mamute seguia infernizando a defesa do Campinense, o time da casa conseguiu cavar um pênalti logo em seguida e empatou o jogo com Felipe Alves.

Mal deu para comemorar e Giuliano fez ótima jogada para bela conclusão de Luan, que tocou por cima do goleiro Glédson para marcar o gol da vitória gaúcha. O segundo gol garantiu a vitória, mas não classificação direta para a próxima fase da Copa do Brasil.

O Campinense conseguiu o que queria. Levar o segundo jogo para a Arena do Grêmio que será no dia 14 de abril. Já o time treinado por Felipão conquistou a oitava vitória seguida.

 

Goal.com

Deixe seu Comentário