O goleiro e capitão do São Paulo , Rogério Ceni, ficará de quatro a seis meses longe dos gramados. O jogador, que sofreu uma fratura no tornozelo esquerdo na tarde desta segunda-feira , no CCT da Barra Funda, foi operado à noite pelo ortopedista Rene Abdalla, no HCor. E, além da lesão óssea, foi diagnosticado o rompimento do ligamento interno local. Com isso, o prazo de recuperação subiu para até seis meses.

 

Segundo o médico Marco Aurélio Cunha, a operação começou às 20 horas e teve a duração de 1h04m. Foram colocados uma chapa e seis pinos para ajudar na consolidação da lesão. O jogador ficará internado dois dias e depois começará o tratamento de fisioterapia no Reffis do CCT da Barra Funda.

 

 

– Ele rompeu um ligamento chamado deltóide. A fratura foi no osso maléolo, aquela bolinha do tornozelo. A operação foi muito boa e tenho certeza de que o Rogério Ceni voltará aos campos. Em seis meses, ele voltará a jogar em alto nível e na sua total plenitude.

 

O médico já conversou com o goleiro explicando a gravidade do seu caso.

 

– O Rogério está bem, está consciente do problema que teve. Ainda bem que resolvemos operar hoje mesmo para acabar com o problema. Dependendo de como estiver o grau da sua dor, ele deixará o hospital em dois dias – afirmou.

 

No HCor, Rogério Ceni recebeu a visita do lateral-direito Cafu, companheiro do

jogador durante anos no São Paulo. O jogador não quis falar com os jornalistas.

 

Na manhã desta terça-feira, os médicos Marco Aurélio Cunha e Rene Abdalla vão conceder uma entrevista coletiva para explicar a cirurgia e falar sobre como será todo o processo de recuperação do jogador.

 

Em São Paulo, antes do embarque para a Colômbia, onde o Tricolor joga na quarta, contra o Independiente Medellín, pela Taça Libertadores da América, os jogadores tentaram mostrar o quanto Rogério Ceni fará falta.

 

– Perdemos um grande jogador e, acima de tudo, um líder. Se todo mundo já estava corrrendo, agora vamos correr muito mais para ganhar tudo para ele – afirmou o goleiro Bosco que, com a contusão de Ceni, passará a ser o titular do gol são-paulino.

 

globoesporte.com

Deixe seu Comentário