Por pbagora.com.br

O Vice-Presidente do Senado Federal, senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB) se pronunciou nesta semana em relação aos constantes cortes de verbas do Governo Federal que prejudicam as instituições de ensino superior no Brasil. Segundo ele, os cortes já atingiram a marca de R$ 1 bilhão e vem ocorrendo desde os anos de 2019 e 2020, mas se ampliaram agora, com a previsão orçamentária de 2021.

Neste sentido, o senador reforça seu compromisso nas lutas empreendidas em defesa do ensino público como um todo e lastima que essa bandeira de corte de verbas continue pelo Governo Federal, o que vem ocorrendo desde o início da atual gestão. “Essa politica de desconstrução do ensino público teve início na gestão do ex-ministro da Educação, o colombiano Ricardo Vélez Rodríguez, passando por Abraham Weintraub, Carlos Alberto Decotelli e permanece com o atual ministro, Milton Ribeiro, que se dispõe a fazer esses cortes, ideologizando o tema da formação superior”, disse.

Veneziano defendeu que haja uma união de esforços em favor do ensino superior de qualidade, com recursos suficientes para a manutenção dos três eixos basilares (ensino, pesquisa e extensão). Ele defende que providências sejam tomadas pelo Governo Federal para diminuir impactos sofridos pelas universidades, citando o exemplo da Universidade Federal de Campina Grande – UFCG.

Ele faz um apelo para que o reitor da instituição, Antônio Fernandes, também se alinhe a estas preocupações. É que, de acordo com o senador, muitas vezes o que se percebe é o seu alinhamento ao pensamento do Governo Federal. Na Paraíba, reforça Veneziano, a UFCG terá um corte orçamentário de R$ 18 milhões, ou 20,3% no orçamento planejado para o ano.

Em entrevista recente, o reitor da UFCG preferiu omitir a responsabilidade do governo federal pelos cortes, conforme reportagens publicadas na Paraíba, confira:

Reitor de UFCG omite responsabilidade de Bolsonaro no corte de R$18 mi

PB Agora

Notícias relacionadas

Reitor da UFPB alega dívida milionária e manda despejar Aduf e Sintes-PB

O reitor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Valdiney Veloso, determinou a desocupação dos prédios da Associação dos Docentes da Universidade Federal da Paraíba (Aduf-PB) e do Sindicato dos Trabalhadores…

Lei obriga que eventos esportivos na PB divulguem mensagens de combate à violência contra a mulher

Entrou em vigor, a Lei que obriga que eventos esportivos na Paraíba divulguem mensagens de combate à violência contra a mulher. A obrigatoriedade fazer de uma lei publicada nesta quarta-feira…