Uma iniciativa de três estudantes de graduação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) resultou na montagem de uma startup de soluções de mobilidade em veículos elétricos, após participarem do projeto Fórmula-E UFPB.

Antônio Félix, Renato Fonseca e Felipe Fauze aprenderam a mecânica e a elétrica de um veículo elétrico projetado para corridas e agora concretizam o próprio empreendimento.

Entre os serviços, a empresa estará habilitada a fazer a conversão de motores a combustão para elétrico e construir veículos elétricos para diversas funções. No próximo ano, a KF3 – como é chamada a startup – lançará em João Pessoa uma pista de corrida de kart elétrico para recreação. Será a primeira no Norte e Nordeste e a segunda no Brasil.

Antônio Félix, da Engenharia Mecânica, foi o primeiro dos três estudantes a entrar no projeto Fórmula-E UFPB, em 2015. Depois se incorporaram ao trabalho os demais fundadores da startup, Renato Fonseca, também estudante de Engenharia Mecânica e Felipe Fauze, discente de Engenharia Elétrica.

O projeto visa a construção de um carro elétrico de corrida pra competir na Fórmula SAE, competição realizada anualmente em São Paulo que desafia equipes de estudantes de graduação e pós-graduação de todo o mundo a projetar e fabricar um carro de corrida.

Carro montado na faculdade em 2018, no projeto Formula E UFPB
Equipe do ano

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Na área de saúde, curso de Biomedicina está entre os mais disputados

O curso de Enfermagem está bem posicionado quando se trata das graduações mais disputadas. Porém, o curso de Biomedicina também está na categoria dos mais buscados atualmente. Nas universidades que…