O paraibano Douglas Santos assinou contrato com o atual campeão russo, o Zenit, até 2024, e projeta volta a Seleção Brasileira. O lateral-esquerdo – vendido pelo Hamburgo, da Alemanha, por R$ 60 milhões – pediu dicas ao atacante Hulk, que atuou pelo clube de 2012 a 2016. A incorporação ao grupo está prevista para esta sexta-feira.

A primeira meta está em conquistar títulos com o Zenit e também ir longe na Liga dos Campeões. Atuar no principal torneio de clubes do mundo é também um sonho para Douglas Santos.

– A Liga dos Campeões não é o único fator, pois o Campeonato Russo é uma liga de alta qualidade, com bons jogadores, mas, quando o Zenit veio para mim, eu pensei imediatamente: “Este é um clube que joga a Liga dos Campeões”. Percebi que era uma grande chance de eu fazer parte disso. Eu quero dar tudo de mim para ajudar o Zenit – comemorou.
Em 2016, ele conquistou a medalha de ouro inedita para o futebol na Olimpíada do Rio e, com o time principal, foi chamado para um amistoso contra a Bolívia em 2013.

Esta não foi a primeira tentativa do Zenit para ter Douglas Santos. Na janela de transferências do ano passado, o clube também manifestou interesse na contratação do atleta, mas naquela época o Hamburgo não cedeu à investida.
O lateral chegou a ser eleito o melhor jogador da equipe na Bundesliga 2 na última temporada. Douglas Santos vestiu a camisa do Hamburgo durante três temporadas, onde fez 88 jogos e marcou três gols. A equipe não conseguiu o acesso para a elite do futebol alemão e após o fim do campeonato, ele manifestou o desejo de encerrar sua passagem pelo clube.

Revelado pelo Náutico, o último clube dele no Brasil foi o Atlético-MG, de onde saiu para o Hamburgo depois da Rio 2016.

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário