O reitor da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), professor Rangel Junior, foi recebido, na manhã desta terça-feira (28), em audiência, pelo governador do Estado, João Azevedo, com quem discutiu questões relacionadas à Instituição, bem como sobre a capacidade da Universidade em contribuir para o desenvolvimento estadual, através de projetos em áreas específicas de necessidade do Estado. Também participaram da reunião, em João Pessoa, o secretário e o secretário-executivo de Educação, Ciência e Tecnologia, respectivamente Aléssio Trindade e Cláudio Furtado.

Rangel Junior apresentou diversas questões que envolvem a vida orçamentária da UEPB, seus indicadores e demandas específicas que envolvem investimentos em infraestrutura física, uma vez que, ao longo dos últimos anos, a Universidade perdeu sua capacidade de investir a partir do seu orçamento regular. O reitor e o governador também discutiram questões que envolvem o cenário nacional na área da Educação, que enfrenta uma situação negativa pelas ações do governo federal em relação às instituições públicas de ensino superior do país.

Segundo o reitor, a reunião foi bastante positiva, uma vez que abriu a possibilidade de um canal de diálogo permanente entre a UEPB e o Governo do Estado para, do ponto de vista da gestão, as demandas da Instituição serem encaminhadas diretamente aos secretários e mesmo ao próprio governador. Nesse sentido, ficou definido que a Universidade apresentará um portfólio geral com suas potencialidades e projetos específicos que demandem investimentos e ações que colaborem com o projeto de desenvolvimento do Estado, que serão avaliados para atendimento das demandas dentro da capacidade orçamentária do Estado.

“Tivemos uma discussão política sobre o papel da UEPB, bem como sobre o que se apresenta no cenário nacional em relação à Educação. O governador se mostrou bastante convencido no aspecto da defesa das instituições públicas e da educação pública em geral. O diálogo foi muito bom nessa primeira experiência do governador com a Universidade. Há uma preocupação sincera com os rumos do país e do Estado, nesse momento de dificuldade econômica, bem como disposição em colaborar para que a UEPB possa tocar em frente seus projetos sem atropelos ou maiores dificuldades. Espero que, de fato, essa porta aberta pelo governador nunca mais seja fechada e que, a partir de agora, a Paraíba possa inaugurar um novo tempo na relação Universidade e Governo, porque a UEPB é do Estado, é do povo paraibano”, ressaltou Rangel.

 

Redação com Codecom/UEPB

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Portal do MEC tira dúvidas sobre carteira de estudante digital

O Ministério da Educação (MEC) lançou hoje (16) o portal da ID Estudantil, que traz informações para estudantes de todo o país sobre a nova carteira digital gratuita. Os estudantes poderão…