O turismo no Brasil não sentiu ainda os efeitos da crise. O Ministério do Turismo trabalha com uma elevação de até 20% no número de turistas viajando pelo País nesta temporada. Segundo o coordenador de projetos de Turismo do Sebrae, Dival Schmidt, mesmo que a crise econômica esteja afetando a confiança do consumidor, os turistas têm mantido as programações de viagens. ?A diferença é que agora os gastos e o tempo de estadia nos destinos estão menores?, observou.

Na CVC, principal agência do setor, as vendas de pacotes cresceram 15% em volume em janeiro, ante o mesmo mês do ano passado. O presidente da CVC, Valter Patriani, informou que, para manter as vendas aquecidas, a companhia optou por reduzir em 10% os preços médios dos pacotes em 2009.

Um levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH) aponta que a ocupação para esse carnaval deve ficar em 75%, acima dos 71% da última temporada. ?Os brasileiros estão substituindo os turistas estrangeiros?, frisa o presidente da entidade, Álvaro Bezerra.

Em pesquisa da Fundação Getúlio Vargas (FGV), realizada em sete regiões metropolitanas, 82% dos entrevistados informaram a intenção de fazer alguma viagem nos primeiros seis meses de 2009, e 85% afirmaram que optarão por destinos domésticos.


Agência Estado

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Sem recursos, prefeituras da PB não têm como garantir merenda escolar

A aprovação pelo Senado Federal do projeto de Lei 786/2020 que estabelece a distribuição dos alimentos da merenda escolar às famílias dos estudantes que tiveram suspensas as aulas na rede…

PSB propõe Pacto Nacional de Sobrevivência para país enfrentar a Covid-19   

O PSB apresentou nesta quinta-feira (2) o Pacto Nacional de Sobrevivência, um manifesto público com propostas “imediatas” para o enfrentamento da maior crise socioeconômica da história. Elaborado pela Executiva Nacional…