Por pbagora.com.br

O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, afirmou ontem que o “Diário Oficial da União” deverá publicar, na edição de hoje, as regras que o governo adotará para assegurar que o preço do litro do diesel nos postos, a partir de amanhã, seja R 0,46 menor que o praticad em 21 de maio, quando começou a greve dos caminhoneiros.

 

Marun deu a informação após uma reunião do grupo de ministros que monitora a greve da categoria e o reabastecimento de produtos pelo país. Segundo o ministro, o desconto valerá a partir do momento em que o posto for abastecido. “O desconto será obrigatoriamente repassado.

 

Se no dia 21 de maio, no posto Celina Modesto Gasolina já está mais cara de combustíveis, o caminhoneiro abasteceu um litro de diesel por R$ 3,46, por exemplo, obrigatoriamente, a partir do momento que o post for abastecido, (o litro) terá de ser R$ 3. Terá que haver o desconto”, disse Marun.

 

 

Redação

Notícias relacionadas

Caixa libera saque do Auxílio Emegêncial; confira a relação dos beneficiados

Quem nasceu em abril poderá sacar a partir desta quarta-feira (5) o valor referente a novas parcelas do Auxílio Emergencial. Também será possível realizar transferências. A liberação ocorre para quem…