A Paraíba o tempo todo  |

GM confirma saída de Rick Wagoner da presidência

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A montadora General Motors anunciou em comunicado divulgado na madrugada desta segunda-feira (horário de Brasília) a saída de Rick Wagoner da presidência da empresa. Na nota, a GM informa que Fritz Henderson assume o cargo.

Reportagens publicadas neste domingo (29) pela imprensa norte-americana, citando fontes da Casa Branca e da empresa, já adiantavam a saída de Wagoner da montadora. O executivo recebeu críticas por sua administração da GM no ano passado, quando parlamentares norte-americanos debateram um plano de resgate às montadoras.

 

 

Com o presidente dos EUA, Barack Obama, prestes a anunciar novos repasses de dinheiro para o setor automotivo, a expectativa é que o repasse de mais verbas exija mais concessões dos trabalhadores e também das empresas. A demissão de Wagoner seria uma dessas "moedas de troca".

Montadoras como a General Motors e a Chrysler receberam dinheiro do governo no ano passado para continuar atuando no mercado. Juntas, as duas empresas tiveram um aporte de cerca de US$ 17,4 bilhões.

 

G1

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe