Por pbagora.com.br

O Conselho Curador do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) aprovou na última terça-feira (8), em reunião extraordinária, redução de juros no crédito imobiliário popular no Norte e Nordeste. Segundo o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil de João Pessoa (Sinduscon-JP), José William Montenegro Leal, a queda na taxa de juros é importante principalmente nas regiões norte e nordeste, pois nos últimos cinco anos, dos recursos disponibilizados para o Nordeste, 23% não foram utilizados por falta de demanda.

“É muito importante uma queda na taxa de juros dessas, principalmente aqui na nossa região e na região Norte, que historicamente não consegue empregar na totalidade a disponibilidade que o fundo coloca, exatamente pela dificuldade que você tem em repassar. Quanto menor o juros, melhor, principalmente agora que estamos com taxa Selic de 2% ao ano, algo nunca visto anteriormente”, revelou José William.

Para o presidente da Sinduscon-JP, a compra de imóveis será estimulada na Paraíba, principalmente porque a taxa de juros é um dos fatores que mais influenciam na compra de um imóvel financiado. “As pessoas hoje em dia estão mais cuidadosas na hora de adquirir um imóvel. Elas fazem as contas pra ver se realmente vão ter condição de poder pagar. Na hora que essa taxa de juros cai influencia principalmente para contratos de longo prazo, em que a taxa de juros faz bastante diferença.”

Por fim ele ressaltou que o segmento da construção civil é um dos que mais afetam a economia, gerando emprego e renda. “Eu tenho certeza que isso vai ajudar a incrementar o mercado. Vai dar oportunidade de mais pessoas terem acesso a tão sonhada casa própria. Na hora que você estimula esse mercado você estimula a cadeia da construção civil que é uma cadeia extremamente diversificada, tem uma abrangência enorme sobre 97% dos setores da economia”.

Redação

Deixe seu Comentário