A Paraíba o tempo todo  |

Comércio paraibano espera muita movimentação no fim de ano em todo o estado

Um levantamento do Instituto de Planejamento, Estatística e Desenvolvimento (Inpes) da Fecomércio Paraíba, revela que mais de 62% dos paraibanos pretendem presentear parentes e amigos no Natal deste ano.

Segundo o presidente da entidade, Marconi Medeiros, a expectativa é de que o desejo se transforme em um grande volume de vendas e, consequentemente, gere mais emprego e renda para a população. “Esta confiança é resultado dos dados crescentes da economia em nosso estado”, destacou.

Conforme a pesquisa, e seguindo o que ocorreu em anos anteriores, são os filhos que devem receber mais presentes no fim de ano. Eles foram citados por 52,50% dos consumidores, seguidos pelos namorados ou cônjuge (40,63%), mãe (27,50%) e pai (16,88%).

Produtos preferidos

Por mais um ano, as peças de vestuário e os calçados ficaram como as principais opções de presente, citados por 62,57% e 21,93% dos entrevistados. Os brinquedos aparecem em terceiro lugar com 21,39%.

Em seguida, aparecem eletrodomésticos e eletroeletrônicos (13,37%). Desta categoria, o mais citado foi smartphone/celular (40%). Os consumidores ainda disseram que vão presentear com perfumes (11,23%) e cosméticos (5,35%), além de vários outros itens dos mais diversos setores do comércio varejista.

Estimativa de gastos

Em média, o gasto estimado com os presentes neste fim de ano deve ficar em torno de R$ 198,80 por consumidor. A maioria dos entrevistados (37,97%) pretende gastar entre R$ 101 e R$ 250 com as compras, enquanto 35,83% dos consumidores afirmaram que darão presentes de até R$ 100.

Da Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe