Por pbagora.com.br

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) opera em terreno positivo nesta terça-feira (22), conquistando a marca dos 61 mil pontos e caminhando para um novo recorde de pontos no ano. A marca de 61 mil pontos não era ultrapassada desde julho de 2008.

 

Como as empresas ligadas a commodities representam 60% da movimentação do Ibovespa, índice-referência para o mercado nacional, a tendência é de alta para o dia. Às 10h48, o indicador brasileiro marcava ganho de 0,61%, aos 61.300 pontos.

 

Mercado externo

Ajudando também o mercado brasileiro, os agentes voltaram a comprar commodities e vender moeda americana. O aumento de preço das matérias-primas estimula as compras na Bolsa de Londres, onde mineradoras e petrolíferas lideram os ganhos no FSTE-100.

 

Na Ásia, o Banco de Desenvolvimento Asiático elevou sua previsão de crescimento para grandes países da região como China e Índia. A notícia, no entanto, não teve força suficiente para dar direção única aos mercados. Enquanto Xangai caiu 2,34%, Hong Kong garantiu alta de 1,06%.

 

Véspera

O pregão de segunda-feira começou com embolso de lucros, mas os vendedores não dominaram o mercado por muito tempo. Com ajuda das ações da Vale, o Ibovespa encerrou o dia com alta de 0,37%, aos 60.928 pontos, nova máxima para o ano. O volume financeiro foi de R$ 8,61 bilhões, sendo R$ 3,31 bilhões referentes ao exercício de opções sobre ações.

 

 

G1