Por pbagora.com.br

A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 698 milhões (média diária de US$ 139,6 milhões) na terceira semana de maio, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento. O resultado é a diferença entre exportações de US$ 3,129 bilhões e importações de US$ 2,431 bilhões.

Em todo o mês de maio, o superávit está em US$ 1,75 bilhão, com exportações de US$ 9,078 bilhões e importações de US$ 7,328 bilhões.

Na comparação com o mês passado, a média diária de exportações apresenta queda de 1,8%, enquanto as importações crescem 13,5%. Em relação a maio do ano passado, houve queda de 37,3% nas vendas para o exterior e de 35,8% nas compras.

2009

Com esse resultado, a balança acumula neste ano um superávit de US$ 8,472 bilhões (média diária de US$ 88,3 milhões), resultado 22,2% maior que o registrado no mesmo período de 2008 na média diária.

Nesse mesmo período, as exportações brasileiras somam US$ 52,577 bilhões, resultado é 20% menor que o do mesmo período do ano passado. As importações chegam a US$ 44,105 bilhões, valor 25% menor que em 2008.

A crise financeira internacional já provocou uma queda de 22,4% nas operações de comércio exterior do Brasil com o resto do mundo, o que inclui a soma das exportações com as importações, em um total de US$ 96,682 bilhões.

 

 

 

Folha

Deixe seu Comentário