Multa mínima para quem entregar a declaração com atraso é de R$ 165,74, mas pode atingir 20% do imposto devido.

Terminou às 23h59 desta terça-feira (30) o prazo para enviar a declaração do Imposto de Renda. Quem perdeu o prazo da entrega ficou em dívida com o Leão.

No entanto, o contribuinte que está nesta situação ainda pode acertar as contas com o Fisco. De acordo com o órgão, quem não entregou a declaração do IR 2019 dentro do prazo, poderá enviar o documento a partir das 8h de quinta-feira (2).

Tire suas dúvidas sobre a declaração do IR:

Prazo: o que fazer? 
Quem perdeu o prazo terá que baixar o programa da Receita Federal e mandar a declaração do Imposto de Renda. É recomendável que o contribuinte acerte as contas o quanto antes para pagar uma multa menor. Assim que emitir a declaração, o contribuinte receberá a "notificação de lançamento de multa" e a Darf da multa. O contribuinte terá 30 dias para pagar a multa e regularizar sua situação.

Vou ter que pagar a multa?
Sim. A multa é de no mínimo R$ 165,74 e no máximo 20% do imposto devido.

O que acontece se eu não fizer a declaração?
Além do prejuízo financeiro com a multa, o contribuinte fica com o CPF “sujo”, o que pode lhe impedir de empréstimos, tirar passaportes, obter certidão negativa para venda ou aluguel de imóvel e até prestar concurso público até a regularização da situação.

Enviou com erro e quer retificar. Pagará multa?
Não. A declaração retificadora não está sujeita à multa por atraso na entrega.

Restituição
As restituições começarão a ser pagas em junho e seguem até dezembro para os contribuintes cujas declarações não caíram na malha fina.

 

PB Agora
com informações do G1


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário