A Paraíba o tempo todo  |

Wesley Safadão e esposa são indiciados por irregularidades na vacinação

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A Polícia Civil do Ceará indiciou nessa quarta-feira (29) o cantor Wesley Safadão, a esposa Thyane Dantas e mais cinco pessoas por peculato e infração a determinação do poder público, e a assessora dele por infração de medida sanitária, após o término de um inquérito que investigava a vacinação irregular de Thyane contra a covid-19.

De acordo com a investigação a influenciadora furou a fila para receber o imunizante no dia 8 de julho, em um shopping no bairro Jóquei Club, na capital cearense, enquanto Wesley teria trocado propositalmente o local da vacinação para poder tomar a vacina da Janssen, que tem dose única.

De acordo com a polícia, as penas somadas dos sete primeiros indiciados podem chegar a 13 anos de prisão; a determinação que infringiram tem a finalidade de evitar a introdução ou propagação de doença contagiosa. Os investigadores afirmam que três servidores públicos da Secretaria de Saúde do Município (SMS) de Fortaleza atuaram para que Wesley, Thyane e a assessora do cantor fossem vacinados irregularmente, contando com a ajuda e participação de mais dois indivíduos de fora da administração pública. A SMS não sabia nem autorizou a ação.

Os delegados responsáveis pelo caso informaram ainda que houve um acordo prévio entre o trio, uma pessoa próxima ao cantor e outro indíviduo para que a vacinação de Wesley, Thyane e a assessora ocorresse.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      1
      Compartilhe