A noite quarta-feira (21) foi marcada por brilho e muita cultura em Campina Grande. A cidade foi palco da 11ª edição do Troféu Gonzagão. O evento marca a premiação da música regional que reúne artistas de vários estados do Nordeste.

Este ano, entre os principais homenageados estavam Jackson do Pandeiro, que se estivesse vivo completaria 100 anos neste mês de Agosto, e ainda os cantores cearenses Raimundo Fagner e Alcymar Monteiro; o pernambucano Silvério Pessoa; e o campinense Biliu de Campina.

Além desses, ainda foram homenageados outros artistas. Ao todo, o evento recebeu mais de 100 artistas e cerca de 800 convidados. A cerimônia que começou na noite da quarta-feira e se estendeu pela madrugada da quinta-feira (22) aconteceu em um teatro no bairro Itataré, em Campina Grande.

Não só artistas são homenageados. Este ano uma das honrarias vai para a quadrilha junina Moleka 100 Vergonha. Também vão ser homenageados o poeta de literatura do cordel Bráulio Bessa e o Filme “Estradar” – Genaro.

O evento era realizado sempre no mês de Maio, mas desta vez acontece em Agosto com o objetivo de matar a saudade do Maior São João do Mundo. Este ano o Troféu Gonzagão apresentou muitas novidades, como o lançamento de uma cartilha educativa na linguagem de cordel, em homenagem a Jackson do Pandeiro. Antes foram realizadas oficinas de músicas nas escolas da rede pública.

Criado com a proposta de fortalecer e exaltar as expressões artístico-culturais brasileiras, o Troféu Gonzagão já homenageou diversos músicos, cineastas, escritores e cordelistas. Luiz Gonzaga, Dominguinhos, Alceu Valença, Marinês, Sivuca, Nando Cordel, Zé Dantas, Alcione, Genival Lacerda, Geraldo Azevedo, Quinteto Violado, Falamansa, Carlinhos Brown, estão entre aqueles que já foram prestigiados pelo evento.

Redação com G1

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário