A Paraíba o tempo todo  |

Funesc anuncia retomada gradual das atividades a partir de outubro

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Gradualmente, os equipamentos que compõem a estrutura da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) serão reabertos ao público, em um processo de retomada das atividades presenciais. Um passo importante para essa reabertura foi dado, nessa quinta-feira (26), com a aprovação do Protocolo de Reabertura dos Equipamentos da Funesc pelo Conselho Diretor da instituição.

O protocolo, disponível no site da Funesc, define as regras de ocupação dos equipamentos administrados pela fundação e impõe limites de acesso ao público, em respeito à medida de distanciamento social. O documento recebeu a avaliação do Colegiado Estadual para Avaliação dos Protocolos do Plano Novo Normal Paraíba e a certificação da Secretaria de Estado da Saúde, através do Parecer Técnico nº 014/2021.

“O planejamento da reabertura gradual levou em consideração, sobretudo, a segurança do público, dos artistas e dos servidores da fundação. Nesta fase experimental, em todas as dependências, principalmente nas internas, como cinema, teatros, biblioteca e planetário, será exigida a distância mínima de um metro e meio entre as pessoas, além da obrigação do uso de máscaras e a aferição de temperatura”, destacou Pedro Santos, presidente da Funesc.

Ao longo do mês de outubro serão reabertos o Teatro Paulo Pontes, Teatro Santa Catarina, Teatro Íracles Pires, Sala de Concertos Maestro José Siqueira, Teatro Santa Roza, Teatro de Arena, Cine Teatro São José, Cine Banguê, Gibiteca Henfil, Museu José Lins do Rêgo e a Biblioteca Juarez da Gama Batista. Já no mês de novembro, será reaberta a Galeria de Arte Archidy Picado e o Planetário.

Durante a fase experimental, explica Pedro Santos, a Funesc vai monitorar o comportamento do público e realizar ações para reforçar as medidas de controle sanitário. “Nosso trabalho será também educativo, no sentido de promover a conscientização dos usuários do Espaço Cultural”, frisou. Ainda de acordo com o presidente, a equipe fará avaliações periódicas a partir das regras definidas quinzenalmente pelos decretos do Governo do Estado.

Redução dos valores de pautas – O segundo documento que a presidência da Funesc apresentou para avaliação foi sobre a redução dos valores de pautas dos equipamentos da fundação em João Pessoa, Cabedelo, Campina Grande e Cajazeiras. As pautas dos eventos realizados entre 1º de outubro de 2021 e 31 de março de 2022 terão os seus valores reduzidos em até 67%. A partir de 1º de abril de 2022, havendo o controle sanitário da pandemia, os valores retornam ao patamar padrão.

“Outra medida que tomaremos é que parte dos valores arrecadados com a locação dos equipamentos seja revertida para a manutenção e aprimoramento das estruturas destes espaços, como forma de garantir a prestação de um melhor serviço ao público”, informou Pedro Santos. Ele ainda declarou que os cursos regulares continuam suspensos até que novas dinâmicas de ensino sejam elaboradas.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe