A Paraíba o tempo todo  |

Espetáculo da Paixão de Cristo estreia nesta quinta-feira no adro da Igreja de São Francisco

O espetáculo ‘Drama da Vida e Paixão de Jesus Cristo’ estreia nesta quinta-feira (14), às 19h30, e será reapresentado todas as noites até o próximo domingo (17). A encenação da história que atravessa gerações acontece no adro da Igreja de São Francisco, Centro Histórico da cidade. Esta é a primeira apresentação da peça após oito anos – os dois últimos em razão da pandemia da Covid-19, e marca o retorno dos artistas ao palco. A promessa é levar muita emoção para o público.

Contada sob a perspectiva dos antigos dramas circences da Paixão de Cristo, a história é uma adaptação do espetáculo ‘O Auto do Deus’. A peça envolve as linguagens do teatro, dança e música, e é uma homenagem aos dramaturgos Roberto Cartaxo e Eliezer Rolim, ambos em memória, e Tarcísio Pereira.

O diretor executivo da Funjope, Marcus Alves, afirmou que todos os envolvidos têm trabalhado com grande expectativa nos últimos 45 dias no processo de construção do espetáculo. Foi reunido um grande elenco, que tem se dedicado todos os dias. “É um grupo de profissionais de cultura realmente muito especial por tudo que eles andaram criando para apresentar para João Pessoa durante a Paixão de Cristo”, ressaltou.

Marcus Alves adiantou que será uma história contada de maneira tradicional, mas com muita beleza e novidade estética. “Quem for para o espetáculo vai encher os olhos de alegria. É o primeiro grande espetáculo que a Funjope faz envolvendo tantos atores e atrizes nesse momento de flexibilização da pandemia. O público vai realmente se surpreender com o que vai ver a partir desta quinta”, acrescentou.

O espetáculo

A trajetória de Jesus Cristo será narrada pela atriz Zezita Matos e pelo ator Paulo Vieira. Eles serão acompanhados por mais de 20 grupos de teatro que foram mobilizados para participar desse reencontro com a arte durante a Semana Santa.O texto é de Everaldo Vasconcelos, que dirige a peça ao lado de Edilson Alves. Os textos adicionais são de Eliezer Rolim e Tarcísio Pereira.

A peça conta com a participação de 55 atores, entre eles, Ingrid Trigueiro, que atuou no premiado filme Bacurau; Walter Oliveri, que interpreta Jesus; Nelson Alexandre, que faz Pilatos; Mayara Santos, no papel de Maria ainda jovem; e Maria Betânia, que faz a personagem em idade mais avançada.

Dezesseis bailarinos da Companhia Municipal de Dança de João Pessoa também participam do espetáculo, assim como um grupo de alunos da rede pública municipal na cena dos anjos. A apresentação utilizará recursos digitais de projeção e mapeamento de imagens.

 

Da Redação com Assessoria

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe