“O nosso sentimento primeiro é de gratidão e em segundo reconhecer que agora nós estamos muito mais responsáveis pelo trabalho que desempenhamos aqui”. A declaração foi do maestro Luiz Carlos Durier, regente titular da Orquestra Sinfônica da Paraíba, no concerto comemorativo à Lei 11.330, de autoria da deputada estadual Cida Ramos, que tornou a OSPB Patrimônio Histórico e Cultural do Estado.

O concerto da Orquestra Sinfônica Jovem da Paraíba lotou a Sala de Concertos Maestro José Siqueira, no Espaço Cultural, na noite dessa quinta-feira (23), e contou com as presenças da deputada Cida Ramos e da vice-governadora Lígia Feliciano. A apresentação teve regência do maestro Luiz Carlos Durier e a participação, como solistas, dos músicos Zácaro Pinto Feitosa e Marcel Marques.

A deputada Cida Ramos disse estar honrada em colaborar com o crescimento de uma instituição que é uma das mais importantes da história cultural da Paraíba. “Poder ser autora da Lei 11.330, que transforma a Orquestra Sinfônica da Paraíba em Patrimônio Histórico e Cultural do nosso Estado é dizer ao povo paraibano que uma instituição permanente de 74 anos se constituiu em um patrimônio cultural e social, que ela formou gerações e gerações de músicos e muito contribui para a cultura em nosso Estado”, destacou.

A Lei nº 11.330 foi publicada na edição do último sábado, 18 de maio, do Diário Oficial do Estado. “Nós estamos realmente muito felizes, surpreendidos com a iniciativa da deputada Cida Ramos, em confeccionar uma lei tornando a Orquestra Sinfônica da Paraíba um patrimônio histórico e cultural. Logro que essa lei possa trazer grandes benefícios para a orquestra, promovendo a sua atuação em toda Paraíba”, disse o maestro.

O concerto comemorativo teve como temática a música étnica das regiões de onde elas foram compostas. Música da Hungria, do Nordeste brasileiro, da Finlândia e da Irlanda. “São homenagens que os compositores prestam às suas terras, às suas identidades e a sua cultura. Nada melhor do que essa coincidência favorável da sanção da lei, tornando a orquestra patrimônio histórico e cultural, com música representativa de regiões do mundo inteiro”, ressaltou Durier.

No mês de junho, a Orquestra Sinfônica da Paraíba volta a apresentar concerto oficial no dia 13 e a OSPB Jovem no dia 20. Os concertos começam às 20h30, na Sala de Concertos Maestro José Siqueira, no Espaço Cultural.

PB Agora

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Troféu Gonzação faz homenagem a Jackson do Pandeiro e Fagner, em CG

A noite quarta-feira (21) foi marcada por brilho e muita cultura em Campina Grande. A cidade foi palco da 11ª edição do Troféu Gonzagão. O evento marca a premiação da…