A Paraíba o tempo todo  |
PUBLICIDADE

Campina Grande bate seus próprios recordes com o maior quadrilhão e maior bolo de milho do mundo

Definitivamente em Campina Grande tudo é grande. Até o nome. A cidade conhecida por realizar o Maior São João do Mundo, bateu um novo recorde e agora é detentora do título do maior quadrilhão junino do mundo e o maior bolo de milho do mundo. O recorde foi quebrado nesta quinta-feira (13), durante evento promovido pela a Arte Produções e a Prefeitura de Campina Grande.

O Maior Quadrilhão Junino do Mundo e o Maior Bolo de Milho do Mundo não só se destacaram como marcas registradas da festa, mas também estabeleceram novos recordes impressionantes. Ambos os recordes tiveram a validação do Rank Brasil.

Em sua décima edição, o Quadrilhão Junino de Campina Grande reuniu 1.280 casais dançando no Parque do Povo, superando todos os anos anteriores. A iniciativa começou em 2013 com 628 pares e, desde então, tem crescido constantemente. Na última edição, em 2023, foram 1.071 duplas. Este ano, o recorde foi novamente superado, reafirmando a grandiosidade do evento e a paixão dos participantes pela dança e pela cultura junina.

“Estamos aqui nessa terceira edição. É um prazer muito grande e, ao mesmo tempo, uma grande responsabilidade, porque todo ano nós conseguimos bater o nosso próprio recorde. É gratificante ver que a cada ano nós estamos contando com mais e mais participantes, casais e tudo. É muito bom manter a tradição e, de quebra, bater um recorde”, celebrou Kaliuma Soares, coordenadora pedagógica da educação física da Secretaria de Educação.

Pesando exatamente 655,89 kg, o maior bolo de milho do mundo deu um sabor especial à tarde festiva. A trajetória deste evento começou em 2019 com um bolo de 39,86 metros e 544 kg. No ano passado, o Rank Brasil, órgão responsável por registrar recordes nacionais, homologou um novo recorde: 73 peças de 60 centímetros, totalizando 45 metros de comprimento e 653 kg.

Para a edição de 2024, a produção do bolo foi iniciada na segunda-feira pela Padaria São Francisco, com validade de 10 dias. Seis pessoas participaram da confecção, utilizando os seguintes ingredientes: 160 pacotes de mistura para milho de 5 kg cada, 6 mil ovos, 500 litros de leite, 700 unidades de leite condensado, 700 unidades de creme de leite, 20 kg de coco ralado, 400 unidades de milho e 100 kg de manteiga.

“É uma alegria imensa, pois a nossa padaria é daqui da nossa terra, tem toda a cultura enraizada nela também. Essa é a padaria dos meus pais, é um trabalho enorme, então todo mundo participa, uma equipe com cerca de dez pessoas que trabalham juntas para garantir que, além de bater um novo recorde, nós possamos comemorar um bolo bem gostoso”, disse Yomana Neiva.

Estes eventos refletem não apenas a habilidade organizacional e a dedicação da comunidade, mas também o crescimento contínuo do Maior São João do Mundo, que celebra com orgulho a cultura nordestina e as tradições de Campina Grande.  As tradições da festa mantidas.

“Estamos muito felizes por essa entrega que tivemos hoje a tarde, e o empenho de todos para que mais essa conquista pudesse ser alcançada. Além de garantir muito forró com o maior quadrilhão do mundo, nós ainda tivemos um bolo de milho delicioso para comemorar. Ano passado já tinha sido uma experiência incrível, mas esse ano, literalmente, a alegria foi ainda maior”, comemorou Monique Fernandes, produtora executiva da Arte Produções.

 

Deusinha Barros, nascida em 26 de maio de 1951 em Coremas, no sertão da Paraíba, tornou-se uma liderança em Campina Grande, onde, em 1994, presidia o Clube de Mães no bairro Santa Rosa. Ela organizava o Arraial Repinboca da Parafuseta, reunindo quadrilhas para apresentações juninas na Rua do Sol. Durante 18 anos, de 1994.
Em todas as edições do maior quadrilhão e do maior bolo de milho do Mundo Deusinha sempre esteve presente e atuante na convocação dos grupos para constituírem o ranking assim como o corte do bolo e distribuição a todos que participam.

“Me sinto muito honrada e feliz pela homenagem. Eu amo muito minha Campina Grande, e fazer parte dessa história e da cultura é a maior confirmação disso”, afirmou.

Redação

Fotos: Leydson Jackson

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe