Já disse o poeta, ” o artista vai onde o povo está”. A Covid-19 mudou a vida dos artistas que tiveram que se reinventar longe do público e manter a carreira em evidência. Sem palco, sem púbico, aplausos e a energia que brota em um show, muitos dos artistas passaram a usar os recursos da tecnologia para manter o contato com os fãs e ao mesmo tempo, alegrar as pessoas em tempos de novo coronavírus, e ainda aumentar a ampla corrente de solidariedade  formada no período de quarentena. Vários artistas paraibanos, seguiram o exemplo de artistas nacionais, e tem realizado lives como forma de estabelecer contato com os fãs.

Um desses artistas, é Garotinho. O músico já realizou pelo menos duas lives, e está programando outra para a próxima sexta-feira. Uma das lives, intitulada “Da Sala da Sua Casa”, arrecadou muitos alimentos que foram distribuídos distribuídos entre o Lar da Sagrada Face, o São Vicente de Paulo, instituições que cuidam de idosos na cidade, e os artistas campinenses que estão sem realizar shows devido à pandemia.

Ao lado do cantor campinense Fabiano Guimarães, a live de  Garotinho, nas redes sociais, teve mais de 100 mil visualizações. Para isso, um palco montado para receber os artistas campinenses, foi o local para a transmissão ao vivo do show.

O isolamento não foi páreo para a ação social e os cantores arrecadaram cinco toneladas. Eles mesmos fizeram a distribuição dos produtos, como alimentos, fraldas e outros de necessidade básica.

Fabiano Guimarães disse que não esperava tamanha repercussão.

– A gente achava que ia arrecadar uma tonelada, o que seria muito e ficaríamos muito felizes, mas passamos de cinco toneladas de alimentos. Ficamos honrados com esse resultado – disse.

Em entrevista ao PB Agora, Garotinho disse que as lives tem sido momentos importantes para os artistas se aproximarem do público  em tempos de pandemia. Ele revelou que sente falta do púbico, mas considera necessário as medidas de restrições ao novo coronavírus.  Garotinho também agradeceu ao público pela solidariedade.

– Que alegria e que prazer foi fazer essa live maravilhosa com essa missão de ajudar o Instituto São Vicente de Paulo, o Lar da Sagrada Face e os músicos de Campina Grande – disse.
Por telefone, ele afirmou ao PB Agora, que os artistas estão se reinventando nesses tempos de pandemia, para não perder o contato com o público, e fazerem o que mais gostam. Cantar.

Um dos artistas em ascensão e que tem feito muito sucesso na Paraíba, é Gegê Bismark. Ao longo do ano, o artista tem sempre uma agenda cheia com shows em diversas cidades paraibanas principalmente no mês de junho. Gegê já dividiu palco com renomados cantores nacional e há pelo menos quatro anos, é presença certa no Maior São João do Mundo. Simples, e carismático, o artista teve que se reinventar nesse tempo de pandemia.

A live do cantor Gegê Bismark também teve centenas de visualizações. O cantor montou um estúdio em sua casa, onde cantou por quase duas horas. Ele também disse que as lives possibilitam o contato dos artistas com o público na quarentena do novo coronavírus, e ainda contribui para aumentar a corrente de solidariedade formada nesses tempos difíceis.

O artista recebeu diversas cestas básicas que foram distribuídas  a famílias campinenses atingidas pelos efeitos do Covid-19.

Jefferson Bismarck Alves Silva, cantor e compositor, mais conhecido como Gegê Bismarck, nascido em 09/04/1989. Gegê desde pequeno que já se interessava pela música. Sempre muito tímido, cantava sozinho em casa, com vergonha de outras pessoas o ouvirem cantar.

Começou sua carreira aos 12 anos de idade, quando ganhou do seu pai seu Primeiro violão, aprendeu sozinho a tocar e iniciou cantando na igreja no bairro onde morava. Devido ao seu talento com a voz, logo foi chamado para cantar em bandas grandes como Afrodite, Tempero completo, Orquestra Puro Charme, Artmanha, banda Perfil, entre outras. Logo após fez sua própria banda, o Bem Simples, que fez muito sucesso no Cariri Paraibano.

Outro artista que enveredou pelas redes sociais nesse período, é Rildo Santoneiro. Vocalista do Trio, Almirantes do Forró, Rildo prometeu fazer uma grande live nesta quinta-feira, e para isso, divulgou amplamente o evento em suas redes sociais. Ele também pretende arrecadar donativos para serem distribuídos com famílias campinenses.

O cantor paraibano Flávio José também fez uma apresentação por meio de seu canal no YouTube. Reforçando os cuidados que a população deve seguir no combate à pandemia do novo coronavírus, o sanfoneiro de Monteiro (PB) se juntou a outros artistas nacionais e aproveitou a sua live para tocar e cantar os sucessos do forró de sua carreira.
Muitos dos artistas estavam com agenda cheia para o mês de junho, mas devido o cancelamento das festas juninas devido a pandemia, e as medidas de isolamento social, tiveram que suspender os shows, e esperar a pandemia passar para voltar aos palcos.

 

Severino Lopes
PB Agora

Deixe seu Comentário