Uma mãe desconfiada registrou o momento em que o marido agrediu o filho deles de apenas dois meses. As imagens chocantes foram entregues à polícia de Pouso Alegre. O pai, o comerciante João Darcir Magalhães, de 43 anos, permanece por tempo indeterminado no Presídio de Pouso Alegre.

A primeira agressão registrada é um tapa que o pai dá no braço do bebê. O homem coloca o menino no berço e fica ouvindo ele chorar, sentado na cama. Minutos depois, ele segura a criança, senta mais uma vez na cama e enfia o dedo na garganta do bebê.

A mãe começou a ter certeza das agressões quando o menino foi ao pediatra e o médico constatou que ele estava com a clavícula quebrada. O bebê também já tinha aparecido com o braço roxo e, segundo ela, não gostava de ficar no colo do pai. Todo material foi entregue à polícia, que abriu inquérito para investigar as agressões.

 

 

 

 

 

 

Correio Braziliense

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio de R$ 38 milhões

Neste sábado (21), a Mega-Sena sorteia um prêmio de R$ 38 milhões. As seis dezenas do concurso 2.190 serão sorteadas, a partir das 20h (horário de Brasília, no Espaço Loterias…