Por pbagora.com.br

O senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB) lamentou a atual realidade que o país está vivendo, quando é possível observar que o presidente Jair Bolsonaro (Aliança), de forma deliberada, escolhe alguns inimigos e faz com que o Brasil “fique dividido no maniqueísmo de extrema direita ou extrema esquerda”.

Segundo Veneziano, o chamamento contra o Congresso não ajuda em nada o país, tendo em vista que existem pautas muito importantes a serem debatidas, como Saúde e Educação.
– Fico perplexo. Pois é como se não tivéssemos pautas muito mais importantes para debater e resolver – enfatizou.

Acerca do presidente Bolsonaro, Veneziano considerou que ele se aproveitou do momento de “exaustão” que o país vivia para se eleger.
– É uma pessoa superficialíssima e muito raso nos conceitos. Foi eleito em um contexto nacional de exaurimento claro que ainda perdura e aproveitou-se do sentimento de repulsa – disse.
Ele firmou que o ano de 2019 foi marcado pelo “estremecimento” e cabos de guerra entre os poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, mas ao final do ano foi possível observar que “o Congresso foi extremamente produtivo e assumiu a responsabilidade de debater pautas independente do assunto”.

Líder do bloco Senado Independente (PSB, Patriota, Cidadania, PDT e Rede), senador Veneziano Vital disse ainda que , o compartilhamento do vídeo pelo presidente foi irresponsável e um “atentado à democracia”.

– Lastimável o gesto antidemocrático e irresponsável do presidente da República, que conclama a população brasileira para um ato no próximo dia 15 contra o Congresso nacional e contra o Supremo atentando contra a democracia e demonstrando o seu propósito ditatorial de fragilizar as instituições republicanas – criticou.

SL
PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

E-Título só pode ser baixado até 23h59 de sábado segundo o TSE

Quem for votar no próximo domingo tem até 23h59 de sábado para baixar o aplicativo e-Título. O documento digital substitui o título de eleitor impresso. O aplicativo também fornece informações…

PF e polícia de Portugal prendem hacker suspeito de invadir sistemas do TSE no 1º Turno

PF também faz buscas no Brasil. No domingo do primeiro turno das eleições municipais (dia 15), uma invasão expôs informações administrativas de ex-servidores e ex-ministros do TSE. Um hacker suspeito…