A Paraíba o tempo todo  |

Repercute nacionalmente denúncia de Eliza Virgínia contra Safadão por erotização da filha

Repercute nacionalmente a denúncia que Wesley Safadão sofreu por parte da vereadora de João Pessoa Eliza Virgínia (PP), que ocupa atualmente a titularidade de uma vaga na Câmara dos Deputados, em Brasília, no lugar de Aguinaldo Ribeiro, que está de licença. Eliza denunciou o cantor cearense no Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) por suposta erotização infantil promovida por Safadão contra a sua própria filha, de 8 anos, Ysis.

A deputada alega que houve sexualização infantil por causa da letra explícita da música Macetando, que é de composição do próprio cantor, e embala uma coreografia dos dois em vídeos que o próprio Safadão publicou em suas redes sociais.

“Ficamos horrorizados. Minha bandeira é lutar contra a exploração sexual e o abuso infantil. E, no vídeo, o Wesley Safadão canta e dança com a filha de 8 anos uma letra de música que fala sobre sexo explícito. Ele faz apologia à pedofilia”, disse ela, em um vídeo publicado em seu Instagram.

Sites como Revista Quem (Da Globo), Metropoles, Catraca Livre, Purepeople, Correio Braziliense, Revista Forum e inúmeros outros deram espaço à denúncia de Eliza.

Confira os vídeos da vereadora:

 

 

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      19
      Compartilhe