A Paraíba o tempo todo  |

LUTO: senador Eliseu Resende morre na cidade de SP; parlamentar lutava contra tumor

O senador Eliseu Resende (DEM-MG) morreu neste domingo (2), aos 81 anos, em São Paulo. Ele tratava um tumor no intestino e estava internado desde o dia 30 de novembro no Instituto do Coração (Incor), em São Paulo.

Ele descobriu o tumor quando foi internado para fazer um check-up. Passou por duas cirurgias, nos dias 8 e 24 de dezembro. No sábado (1º), apresentou insuficiência renal.

Segundo a assessoria do senador, Eliseu Resende morreu às 20h. O velório deve ser na Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

Engenheiro civil nascido em Oliveira (MG), Resende foi diretor-geral do Departamento Nacional de Estradas e Rodagens (DNER) de 1967 a 1974, ministro dos Transportes no governo de João Figueiredo, de 1979 a 1982, e assumiu o Ministério da Fazenda no governo Itamar Franco. Também presidiu Furnas e Eletrobras. Foi eleito deputado federal em 1994, 1998 e 2002. Em 2006, elegeu-se senador.

O líder do DEM no Senado, José Agripino Maia (RN), definiu Resende como um “brasileiro de qualidade” e “homem de passado limpo”.

“O conheci quando fui prefeito de Natal e ele era ministro dos Transportes. Ele foi um grande ministro. Era um companheiro, a quem o partido entregava todos os assuntos relacionados a transporte e infra-estrutura. Sempre oferecia uma opinião primorosa, honesta”, disse.

O governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia (PSDB), emitiu nota de pesar pela morte. O tucano lamentou a perda do parlamentar, citando Resende como “companheiro de tantas jornadas”.

“Registro com pesar a perda para Minas de um dos mais íntegros homens públicos de sua história. O senador Eliseu Resende sintetizou a vocação mineira para a política e para o debate de ideias. Deputado, candidato a governador, ministro e senador, sempre primou pela defesa dos interesses dos mineiros e da nossa terra. Pautando-se sempre pela sabedoria do contraditório, permanentemente defendeu o debate público como instrumento máximo da valorização da democracia.”

Pelo Twitter, o senador Hélio Costa (PMDB-MG) lamentou a morte de Resende, a quem chamou de “amigo e ilustre senador”.

A assessoria de Resende divulgou uma nota sobre a morte do senador.

Veja a íntegra da nota:

‘Comunicamos o falecimento do Senador Eliseu Resende no Hospital Incor, em São Paulo.

O senador Eliseu Resende (DEM-MG), 81 anos, se internou no INCOR, em São Paulo, para exames de check-up em 30 de novembro de 2010, previstos para dois a três dias. Durante os exames constatou-se um tumor no intestino. O Senador foi submetido a cirurgia no dia 08 de dezembro com evolução favorável. No entanto, no dia 24 de dezembro, necessitou passar por nova intercorrência, com evolução satisfatória. No dia 01 de janeiro de 2011 apresentou quadro de insuficiência renal.’

G1

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe