As Forças Armadas estão capacitando seus contingentes em diversos estados do país para desinfectar áreas públicas. Os militares foram treinados para higienizar áreas como corredores, banheiros, recepções, salas de espera, de medição, triagem e saída de hospitais.

No Rio de Janeiro, os instrutores do Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo (Ciasc), Organização Militar da Marinha, treinaram mais de 20 pessoas para atuar em desinfecção. Entre elas estão funcionários do Hospital Municipal Dr. Moacyr Rodrigues do Carmo, da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), em Duque de Caxias.

Em Pernambuco, os integrantes do 5º Grupamento de Bombeiros Militares, em Salgueiro, capacitaram militares do 72º Batalhão de Infantaria Motorizado e da Casa do Combatente de Caatinga, por exemplo. Em São Paulo e em Mato Grosso do Sul, também houve capacitação para desinfecção de unidades hospitalares.

As Forças Armadas também estão ajudando famílias em vulnerabilidade social, produzindo e distribuindo alimento para comunidades, indígenas e caminhoneiros. Na Bahia, em Mato Grosso do Sul e vários lugares do país, os militares estão doando sangue para incentivar outros doadores a colaborarem. Houve queda de doadores por causa da pandemia do novo coronavírus.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Brasil passa da marca de 1,5 milhão de casos confirmados de covid-19

Do total de infectados até o momento, 868.372 já se recuperaram O Brasil bateu a marca de 1,5 milhão de casos confirmados acumulados desde o início da pandemia de covid-19.…