Por pbagora.com.br

Cerca de 100 pessoas formam uma fila na entrada do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo, neste sábado (4), onde o corpo da ex-primeira-dama Marisa Letícia é velado.

Muitos seguram faixas e bandeiras com o símbolo do Partido dos Trabalhadores (PT). O velório da esposa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deverá durar até as 15h deste sábado. Depois, ela será cremada.

Mais cedo, uma equipe da TV Globo foi hostilizada por parte dos presentes, aos gritos de “imprensa golpista” e “imprensa assassina”. A equipe deixou o local. Funcionários do Sindicato pediram que o dia não seja de “confusão com a imprensa, mas de silêncio”.

 

Diário de Pernambuco

foto: Martha Raquel / Reprodução

Notícias relacionadas

Mortes de grávidas e de mães de recém-nascidos por Covid dobram em 2021, aponta estudo

O número de mortes de gestantes e de mães de recém-nascidos, (puérperas) por Covid-19 mais do que dobrou em 2021 em relação à média semanal de 2020, apontam dados do…