Por pbagora.com.br

A pandemia mudou a data das eleições e não apenas isso. Por conta do combate e prevenção à covid-19, outras mudanças e regras irão vigorar no pleito deste ano, que ocorre excepcionalmente no dia 15 de novembro. Nas cidades onde houver 2º turno, este será realizado em 29 de novembro.

Uma das principais mudanças, além da data, é o horário.  Em 2020, a votação começa uma hora antes: vai das sete da manhã às cinco da tarde no horário local, sendo que das sete às dez da manhã, a preferência é para os idosos.

Os mesários também estão tendo treinamento reforçado onde foi feito todo um trabalho de equipe para que o eleitor se sinta seguro.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luis Roberto Barroso, explicou algumas dessas mudanças:

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

IBGE: desemprego atinge 13,5 milhões de brasileiros

O desemprego no Brasil cresceu 33,1% desde maio. Nessa caso, 13,5 milhões de brasileiros foram atingidos com a falta de trabalho. Os números foram obtidos pela Pesquisa Nacional por Amostra de…

Estados podem comprar vacina chinesa, diz Mourão

Na terça-feira (20), Ministério da Saúde anunciou a compra de 46 milhões de doses da CoronaVac, vacina do Instituto Butantan produzida em parceria com a empresa chinesa Sinovac. Com isso,…