Por pbagora.com.br

David Brandão, comandante da Polícia Militar do Amazonas, foi ridicularizado em uma portaria que instaurou o inquérito para apurar a falta de viaturas no município de Japurá, a 744 km a oeste de Manaus.

A portaria reporta que “a expedição de ofício ao excelentíssimo senhor comandante-geral de Polícia Militar do Estado do Amazonas, Coronel Pau Mole, por meio do procurador-geral de Justiça, para tomar conhecimento da instauração do presente inquérito civil”.

 

 

Através de uma nota, a Procuradoria-Geral de Justiça do Ministério Público disse que aconteceu um “erro grosseiro e ofensivo” de digitação.

Assim que o erro foi identificado, a Procuradoria-Geral corrigiu a publicação e determinou a apuração do fato, a fim de que tamanha falha seja devidamente responsabilizada”, respondeu.

 

Redação 

Foto: Reprodução / Acritica